O último Natal – Jornal Opção

0
31

Fantasias é na Cacau Center!

.

Uma crônica sobre o vazio deixado pelas festas de Natal durante a pandemia

Home for christmas, Norman Rockwell, 1955

Pela primeira vez em minha vida, eu passei a noite do dia 24 de dezembro distante de minha família. Sendo órfão e tendo sido criado pelos avós em uma casa marcada pela tragédia, o Natal sempre foi para mim uma reafirmação dos laços de parentesco e da normalidade. Nunca fomos religiosos, mas o pinheiro cheio de enfeites, o presépio com seus pequenos camelos de plástico e o forro de mesa verde e vermelho e dourado pareciam querer dizer que, apesar de tudo, estávamos juntos — éramos uma família unida por tradições estranhas, mas capaz de demonstrar o amor que sentimos uns pelos outros.

Neste ano, a celebração seria mais do que bem-vinda. A estoica matriarca da família, de 94 anos, hoje viúva e solitária, disse que não se importava com pandemia alguma; preferia contrair uma doença mortal do que admitir em seus últimos anos que o caos e a tragédia do mundo haviam vencido. Na­tura­lmente, o restante da família desconsiderou a ideia e obrigou o amor, desajeitado, a procurar outras vias para se manifestar: telefonemas, chamadas de vídeo e entrega de presentes a distância.

Norman Rockwell, 1950

Entretanto, percebemos — eu percebi, na voz da matriarca da família — que alguma coisa se rompeu neste Natal. Não houve o reassegurar de normalidade nenhuma — porque nada está normal — e nem a tranquilização da presença dos parentes que, de uma forma ou outra, calharam de sobreviver juntos e decidem continuar unidos. Talvez a matriarca não esteja mais por aqui no ano que vem; talvez os primos decidam aproveitar essa suspensão temporária para interromper o Natal de vez, passando a dedicar as noites do dia 24 às festas nas casas das famílias de seus respectivos cônjuges.

Famílias que vivem espalhadas em duas casas ou mais precisam de oportunidades para elaborar sua identidade enquanto grupo. Ainda que o afeto esteja presente no dia a dia, as datas comemorativas fazem parte de quem somos. Individualmente, sei que o núcleo de minha família perdeu membros demais e começou a ganhar novos integrantes distantes demais para que consiga permanecer unida por mais muito tempo, com pandemia ou sem. Mas, em larga escala, me pergunto o impacto geral que um ano de Natal proibido teve na sociedade.

Não sou ingênuo; sei que uma tradição profundamente enraizada e pessoas exaustas de isolamento social venceram as recomendações da OMS. O Natal foi realizado de uma forma ou de outra na maioria das casas brasileiras. Sei das justificativas e racionalizações: “Sou obrigado a trabalhar, por que não posso festejar?”; “Não posso visitar parentes, mas pegar ônibus lotado eu posso, né?”, “Não tem perigo se a gente usar máscara”. Não vou me engajar em uma defesa da saúde pública e nem atacar a moral de quem usa essas desculpas — apenas lembrar o que são: meras desculpas.

Quem tem a quem proteger, compreendeu que este foi um ano anormal, quando um sacrifício excepcional teve de ser feito. Qual foi o preço pago? Quantas famílias sofreram o baque do Natal que não existiu? Como calcular a dor da distância? Eu sou jovem, sou forte e sempre fui solitário. Mas a matriarca, que por um ano foi privada da presença e abraços dos netos e bisnetos, me revelou em sua voz uma aceitação triste do destino de todas as coisas — a dissolução do amor no caos do mundo — capaz de partir o coração de um homem adulto que julgava ter superado coisas piores do que uma pandemia letal; e esta é a medida do vazio deixado pelo Natal.

“Merry christmas, grandma”, Norman Rockwell, 1950



agenciadepropagandasantos.com.br  • agenciaemsantos.com.bragencialimaesantana.com.bragentedecargainternacional.com.bragenteinternacional.com.brcacaucenter.com.brcirurgiasplasticasemsantos.com.brcriacaodesitesantos.com.brempresadepropaganda.com.brlimaesantana.com.brlimaesantanapropaganda.com.brmarketingemsantos.com.broperadorlogisticobrasil.com.brpostoarrastao.com.brpropagandaemsantos.com.brprotesedesiliconeemsantos.com.brredearrastao.com.brsiteemsantos.com.brtransportecargaaerea.com.branelaria.com.brlojadacacaucenter.com.brpedroalcantara.com.brprimeautopaint.com.brpublicidadeemsantos.com.brsiteemsantos.com.brtopbrlog.com.brtopfreight.com.brxiaomiemsantos.com.brdentistaemsaovicente.comdentistasemsantos.com 



Fonte


Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda